teste Biblioteca virtual – LIDIA (Biblioteca de Atividades Online)

Biblioteca virtual

Descrição Breve

Nesta atividade propomos a utilização do Google Livros para que os alunos possam adquirir algumas técnicas e desenvolver estratégias para organizar uma coleção de livros digitais de forma criativa e criteriosa. Enquadrada numa dinâmica de trabalho contínuo, a desenvolver ao longo do ano, pretende-se que os alunos façam a gestão de uma biblioteca virtual de turma que reúna todos os livros que já leram, os que estão a ler ou pretendem vir a ler e os seus favoritos.

Justificação

A simplicidade do aspeto gráfico do Google Livros, aliada à possibilidade de pesquisar e encontrar milhões de livros em bibliotecas e editoras do mundo inteiro, que se podem pré-visualizar ou ler gratuitamente, garante uma experiência de aprendizagem muito enriquecedora para que os alunos pensem sobre as tendências e os seus hábitos de leitura atuais.

Podendo ser considerada também como uma estratégia promotora da construção de planos de leitura autónomos, esta atividade permitirá que os alunos melhorem a sua relação com a leitura e descubram novos interesses nesta área. Além disso, ao incentivar a escrita de notas e/ou críticas sobre os livros lidos ou dos que pretendem vir a ler, também estará a criar condições para que os alunos desenvolvam competências e técnicas de escrita de forma articulada com o desenvolvimento de competências de análise, reflexão e síntese.

Aprender o quê?

  • Organizar livros digitais.
  • Construir planos de leitura autónomos.
  • Desenvolver competências e técnicas de escrita.
  • Desenvolver competências de análise, reflexão e síntese.

O Google Livros é um motor de pesquisa de livros que permite a leitura de livros online (que não estejam protegidos por direitos de autor) assim como a transferência livre de algumas cópias de livros em formato PDF. Inclui páginas de referência para cada livro onde é possível ler críticas acerca da obra, referências na Internet, entre outras informações. É grátis e encontra-se disponível em https://books.google.pt/.

Descrição da atividade

Depois de se certificar que os alunos estão familiarizados com o ambiente gráfico do Google Livros, crie oportunidades diversas para que eles possam rechear de forma progressiva uma biblioteca virtual de turma. Poderá dar início à organização e gestão da coleção de livros da turma pedindo que cada aluno elabore previamente uma lista dos livros que já leu.

Com essa lista disponível e organizados em pequenos grupos, peça aos alunos que utilizem a funcionalidade <pesquisar livros> do Google para adicioná-los na prateleira dos <já lidos>. Posteriormente, poderá solicitar que cada aluno escolha o seu livro favorito e o transfira para a prateleira dos <favoritos>, adicionando uma nota que explique as razões da sua escolha e atribuindo-lhe uma classificação (de 1 a 5 estrelas). Considerando o seu nível de desenvolvimento, poderá também ser interessante solicitar-lhes que escrevam uma crítica do seu livro favorito, pedindo-lhes, por exemplo, que limitem os textos a 100 ou 200 palavras.

Poderá incentivar os alunos a redigirem diretamente os seus textos nos espaços definidos para o efeito (“adicionar nota”; “escrever crítica”), pois a ferramenta oferece a possibilidade de alterar o conteúdo editado nesses campos e, nesse sentido, também facilitará o processo de revisão dos textos elaborados com vista ao seu aperfeiçoamento.

Para consolidar o espírito de cooperação na gestão da biblioteca virtual da turma, peça aos alunos para criarem uma nova prateleira de livros de estilo “Top 10” onde coloquem os livros que mais de destacam em função de um critério definido coletivamente (ex. Top10 dos livros mais lidos; Top 10 dos livros favoritos; Top 10 dos melhores livros;…).

Os alunos irão perceber, muito rapidamente, que o Google Livros sugere um conjunto de <livros relacionados> para cada livro que consta da biblioteca virtual. Explorando essas sugestões, poderá ser interessante levá-los a discutirem os critérios que estão na base dessa funcionalidade (ex. livros do mesmo autor, livros que abordam temáticas similares, …), bem como suas vantagens e desvantagens. Além de poder gerar debates bastante interessantes em torno dos “livros relacionados”, também poderá incitar os alunos a escolherem os livros que gostariam de ler para adicioná-los à prateleira <para ler>.

Para que esta escolha seja bem ponderada e criteriosa, peça aos alunos para adicionarem uma nota que explique o seu interesse. Este procedimento ajudará a aprimorar o processo de análise cada vez que os alunos fazem uma nova entrada, mas também os ajudará a comparar as suas expetativas iniciais, antes da leitura de um livro, com as impressões resultantes após a leitura do mesmo.

Sequência

  1. Explorar o ambiente gráfico do Google Livros.
  2. Elaborar uma lista dos livros que cada aluno já leu.
  3. Adicionar os livros à prateleira dos <já lidos>.
  4. Escolher o seu livro favorito e transferi-lo para os <favoritos>.
  5. Escrever uma crítica do seu livro favorito.
  6. Criar uma nova prateleira de livros “Top 10” com os livros que mais se destacam em função de um critério definido.
  7. Explorar e discutir a funcionalidade de <livros relacionados>.
  8. Adicionar aos livros inseridos uma nota explicativa do seu interesse.

Sugestões & Dicas

No início do ano letivo, apresente a proposta aos seus alunos, contextualizando o trabalho que se pretende que eles venham a desenvolver ao longo do ano. Poderá ser interessante aproveitar este momento para fazer um levantamento sobre os livros que os alunos já leram e o modo como organizam e gerem a sua própria biblioteca. Se possuir uma biblioteca virtual (e pessoal) no Google Livros, partilhe com os alunos esta experiência, mostrando-lhes a forma como esta ferramenta lhe permite criar e manter uma “memória” atualizada dos livros que já leu e dos que gostaria de ler, sublinhando as vantagens associadas à possibilidade de obter informações sobre inúmeros livros através das sinopses, das críticas partilhadas por vários leitores e até mesmo através da visualização de algumas partes ou da totalidade do texto.

Para desenvolver esta atividade com recurso ao Google Livros, sugerimos que crie antecipadamente uma conta no Google para gerar um perfil para a turma com a qual irá trabalhar. Se optar por trabalhar com mais do que uma turma, será aconselhável criar tantas contas quanto o número de turmas que irá envolver nesta atividade. Para personalizar e completar o perfil da(s) turma(s) associando-lhe uma imagem, poderá solicitar a colaboração dos alunos, pedindo-lhes que construam um “avatar” e que definam a capa do perfil a partir dos modelos disponibilizados pelo serviço ou a partir de um desenho que podem construir em conjunto.

Incentive os alunos a pesquisarem alguns livros que leram quando eram mais novos e proponha a criação  de uma prateleira destinada a crianças mais jovens (ex. “Berçário”). Depois de reunirem uma coleção de livros, poderão partilhá-la com os pais, por exemplo, na época de Natal.

Segurança & Identidade Digital

Para limitar a interação online entre os alunos e pessoas desconhecidas, reforçamos a sugestão de criar uma conta para a turma, usando uma senha segura e mantendo a em privado. Depois de criar um perfil, escolha as informações que pretende tornar visíveis para determinadas pessoas ou para círculos (ex. pais dos alunos, alunos de outra turma,…). Se tiver conhecimento de qualquer utilização indevida da palavra passe ou da conta criada para a turma, siga os procedimentos indicados pelo serviço Google para casos de “atividade suspeita”.

 


logo LIDIA

Projeto LIDIA – Literacia Digital de Adultos
Instituto de Educação, Universidade de Lisboa, 2016
Sítio do projeto: lidia.ie.ulisboa.pt

Atividade originalmente elaborada no âmbito do projeto TACCLE2 em 2013
Atividade adaptada por Ana Garcia e revista por Catarina Gonçalves para a Biblioteca de Atividades Online do Projeto LIDIA em fevereiro de 2016

CC88x31

Esta atividade pode ser usada, copiada, reproduzida, modificada, publicada e transmitida em todos os tipos de media ou métodos de distribuição já disponíveis ou que venham a ser desenvolvidos, bastando para isso fazer referência aos autores e ao Projeto TACCLE2 e à Biblioteca de Atividades Online do Projeto LIDIA.