teste Linhas e caminhos da Matemática – LIDIA (Biblioteca de Atividades Online)

Linhas e caminhos da Matemática

Descrição Breve

Nesta atividade propomos a utilização do software Google Earth como um recurso de apoio à aprendizagem de conteúdos e conceitos do domínio da geometria e medida. Partindo de pontos de referência significativos e presentes no quotidiano dos alunos, a proposta inclui uma sequência de três tarefas matemáticas em que os alunos, utilizando os recursos “Linha” e “Caminho” da ferramenta <Régua>, serão desafiados a medir a distância entre locais, a calcular perímetros e áreas, e a discutir os resultados apurados.

Justificação

Sem os recursos do Google Earth, seria difícil, talvez inviável para o professor possibilitar o cálculo de medidas envolvendo a ordem de grandeza daquelas que propomos trabalhar nesta atividade. Além de se configurar como uma proposta de aprendizagem significativa, contribuindo para o desenvolvimento de conceitos matemáticos de forma contextualizada, também promove o desenvolvimento competências geográficas essenciais relacionadas com a observação e localização de lugares.

Aprender o quê?

  • Aplicar conceitos de geometria e medida de forma contextualizada.
  • Desenvolver competências geográficas de localização.

O Google Earth é uma ferramenta de pesquisa de locais em todo o planeta, através de fotografias e imagens 3D, capturadas via satélite. Permite a visualização de paisagens naturais e humanas, estradas, edifícios ou características geológicas, assim como de imagens do espaço. Disponibiliza um vasto conjunto de funcionalidades, como um painel de pesquisa, um simulador de voo, medição de distâncias, entre outras. Encontra-se disponível em https://www.google.com/intl/pt-PT/earth/.

Descrição da atividade

Comece a atividade apresentando aos alunos o software Google Earth e algumas das ferramentas de que este dispõe, dando relevo às que os alunos deverão mobilizar ao longo do trabalho proposto (recursos “Linha” e “Caminho” da ferramenta <Régua>). Se os seus alunos ainda não estiverem familiarizados com este programa, poderá ser interessante começar por lhes mostrar como facilmente podemos ter uma experiência muito realista de visualização do mundo, “viajando” por onde quisermos e visualizando imagens, estradas, terrenos, construções em 3D e muito mais via satélite.

Para contextualizar a atividade de forma mais significativa, faça uma viagem até um dos locais que os seus alunos lhe sugiram e aproveite este momento para introduzir a utilização da ferramenta <Régua> e das suas funcionalidades “linha” (para medir a distância entre dois pontos no solo) e “caminhos” (para medir a distância entre vários pontos no solo), que serão utilizadas nesta proposta de trabalho. De seguida, organize os alunos em pequenos grupos (sugerimos a formação de pares) e permita que eles explorem este programa durante algum tempo, estimulando-os a usarem os controlos de navegação. Terminado o período de ambientação ao programa, peça aos alunos para medirem a distância entre dois locais (ex. distância entre a escola e a sua casa) utilizando o recurso “linha”.

Para realizarem esta tarefa, deverão começar por localizar os pontos de referência indicados, podendo recorrer à funcionalidade de pesquisa <obter direções> que o programa integra, digitando nesse campo as moradas ou as coordenadas geográficas respetivas. Depois deste passo, devem aproximar e centralizar a imagem no visualizador 3D até que consigam o nível de aproximação suficiente para traçar um segmento de reta (“Linha”) entre os dois pontos de referência. De seguida, deverão clicar no ícone de <Régua>, selecionar a funcionalidade “Linha” e ativar a opção <Navegação com o rato> fazendo um clique na respetiva caixa (por defeito, esta opção está ativada).

Mantendo a janela de diálogo aberta, traçam o segmento de reta no visualizador em 3D, tomando como princípio e fim do segmento os locais previamente localizados. Ao procederem desta forma, verão surgir uma linha no visualizador (de cor amarela) e, ao mesmo tempo, terão a possibilidade de observar instantaneamente o resultado da medida de distância entre esses dois pontos, que é exibido de forma automática na caixa de diálogo.

Para guardar o resultado, devem clicar em <guardar>, escolher um título adequado à natureza da tarefa (ex. medição da distância casa-escola) e, antes de gravar clicando em <ok>, podem fazer alguns ajustamentos mudando, por exemplo, a cor da linha e a unidade de medida de comprimento (escolhendo a mais adequada à ordem de grandeza da distância medida). Além disso, tanto nesta etapa quanto nas seguintes, será importante que os alunos anotem os resultados apurados para que, no final, possam discutir, comparar e sistematizar os conceitos e os procedimentos trabalhados.

Sequência

  1. Apresentar o software Google Earth e algumas das ferramentas de que dispõe.
  2. Realizar uma viagem virtual pelo mundo, através do Google Earth.
  3. “Viajar” até um local sugerido pelos alunos e apresentar a ferramenta <Régua>.
  4. Explorar livremente o Google Earth, em pequenos grupos.
  5. Medir a distância entre dois locais utilizando o recurso “linha” e gravar o resultado.
  6. Discutir, comparar e sistematizar os conceitos e procedimentos trabalhados.

Sugestões & Dicas

Use o Google Earth para obter medidas aproximadas de áreas com características geográficas específicas (ex.
áreas agrícolas, lagos, rios, florestas etc). Desafie os alunos a calcularem a área de locais que tenham formas bastante irregulares, de modo a que seja necessário proceder à divisão da área total em partes menores e menos complexas (retângulos, triângulos ou trapézios). Proponha que eles façam previamente um esboço da área e que discutam a melhor maneira de a dividir para facilitar os cálculos.

Segurança & Identidade Digital

Tratando-se de uma atividade que não exige a participação dos alunos em ambientes ou plataformas online, não há problemas de segurança a assinalar no que respeita ao uso deste programa. Porém, uma vez que este programa permite a partilha de informações com outras pessoas, poderá ser importante reforçar junto dos alunos alguns cuidados a ter na mobilização de informações pessoais, lembrando-os que esses dados podem ser indexadas por vários motores de pesquisa e que podem ser utilizadas por terceiros.

 


logo LIDIA

Projeto LIDIA – Literacia Digital de Adultos
Instituto de Educação, Universidade de Lisboa, 2016
Sítio do projeto: lidia.ie.ulisboa.pt

Atividade originalmente elaborada no âmbito do projeto TACCLE2 em 2013
Atividade adaptada por Ana Garcia e revista por Catarina Gonçalves para a Biblioteca de Atividades Online do Projeto LIDIA em fevereiro de 2016.

CC88x31

Esta atividade pode ser usada, copiada, reproduzida, modificada, publicada e transmitida em todos os tipos de media ou métodos de distribuição já disponíveis ou que venham a ser desenvolvidos, bastando para isso fazer referência aos autores e ao Projeto TACCLE2 e à Biblioteca de Atividades Online do Projeto LIDIA.