teste Geo-exploração – LIDIA (Biblioteca de Atividades Online)

Geo-exploração

Descrição Breve

Nesta atividade, propomos o uso do Twitter e do Google Earth para desafiar os alunos a conhecerem melhor a localidade onde vivem.

Justificação

A compreensão de diferentes contextos é fundamental para as ciências humanas, pois é a chave para desbloquear o passado, libertar-nos no presente e até permitir conjeturar sobre o futuro. Infelizmente, estamos cercados por evidências da falta de compreensão das pessoas sobre o ambiente em que estão inseridas e até sobre as condições do próprio meio que as rodeia. Portanto, proporcionar aos alunos a oportunidade de explorar e compreender o meio em que estão inseridos, pode ser uma das mais importantes atividades de aprendizagem.

Esta atividade permite que os alunos explorem e conheçam melhor a sua terra. É verdade que não substitui a realização de excursões ou de visitas presenciais, mas é uma outra maneira eficaz de visitarem e conhecerem vários locais sem se deslocarem a custos adicionais. Ao utilizarem o Twitter para explorar o meio local, os alunos compreendem que a comunicação informal também pode ser apropriada ao contexto de aprendizagem e à partilha de informação relevante.

Aprender o quê?

  • Explorar e compreender o ambiente que nos rodeia.
  • Conhecer os locais históricos da sua localidade.
  • Desenvolver a capacidade de localizar um lugar utilizando as coordenadas geográficas.
  • Refletir sobre os direitos de autor e a propriedade intelectual online.

O Google Earth é uma ferramenta de pesquisa de locais em todo o planeta, através de fotografias e imagens 3D, capturadas via satélite. Permite a visualização de paisagens naturais e humanas, estradas, edifícios ou características geológicas, assim como de imagens do espaço. Disponibiliza um vasto conjunto de funcionalidades, como um painel de pesquisa, um simulador de voo, medição de distâncias, entre outras. É grátis, não necessita de registo e encontra-se disponível para download em https://www.google.com/earth/.

O Twitter (https://twitter.com/) é uma ferramenta online, que funciona como rede social onde os utilizadores podem publicar mensagens curtas que podem ser acompanhadas de imagens e vídeos. Permite ao utilizador receber e publicar informações em tempo real e manter-se atualizado sobre o mundo de acordo com os seus interesses. O Twitter é grátis, necessita de registo e encontra-se disponível para dispositivos móveis.

O HistoryPin é uma ferramenta online que se assemelha a um arquivo digital de fotos históricas, vídeos e gravações aúdio. Permite identificar a localização e a data dos ficheiros através do Google Maps e comparar fotos históricas com fotos contemporâneas de um mesmo local. É grátis, necessita de registo ou de uma conta Google e encontra-se disponível em https://www.historypin.org/en/.

Descrição da atividade

Comece por organizar os alunos em grupos, solicitando-lhes que elaborem uma lista dos locais históricos que existem na localidade onde habitam. Depois disso, cada grupo deve ler à turma os locais registados na lista. Se achar conveniente, cada grupo pode adicionar à sua lista os locais que não tinham identificado inicialmente.

Com a ajuda do Google Earth (verifique se é necessário apresentar as funcionalidades do Google Earth aos alunos) cada grupo deve procurar as coordenadas dos locais históricos identificados. Lembre-lhes que terão que ser precisos na localização, pois irão usar as coordenadas para informar como chegar a determinado lugar.

Depois de identificada a localização precisa do local, cada grupo publica no Twitter (recomendamos a criação de uma conta no Twitter para a turma) algumas das coordenadas e aguarda as respostas de pessoas que possam identificar e nomear o local. É muito importante ter de antemão um grupo de pessoas que “seguem” a sua turma no Twitter. Além disso, é possível agilizar o processo de respostas se alertar previamente as pessoas da sua rede sobre esta atividade para que possam interagir rapidamente com as publicações dos alunos. Esta atividade pode ser feita em comum acordo com uma outra turma da mesma escola ou de outra escola, revezando o momento de twittar e de responder aos twittes.

Finalmente, solicite aos alunos que identifiquem as fotos das localidades históricas no HistoryPin. Que localidades têm já uma foto publicada? Há alguma localidade que ainda não tenha? Promova um debate sobre os aspectos que devem ser respeitados quando publicamos uma imagem de autoria própria na Internet e os aspetos relacionados com o uso de imagens que estão disponíveis noutros sites (com licença livre ou não). Esta é uma excelente oportunidade para discutir com eles a importância de respeitar os direitos de autor e a propriedade intelectual online e a falta de ética que constitui o uso de conteúdos de terceiros sem a devida referência e autorização.

Sequência

  1. Em grupos, elaborar e ler uma lista dos locais históricos da cidade onde habitam.
  2. Procurar as coordenadas dos locais históricos através do Google Earth.
  3. Publicar no Twitter as coordenadas e aguardar as respostas de pessoas que possam identificar e nomear os locais.
  4. Identificar as fotos dos locais históricos no HistoryPin e debater a importância de respeitar os direitos de autor e a propriedade intelectual online.

Sugestões & Dicas

Pode aproveitar e realizar esta atividade no âmbito de outras disciplinas. Por exemplo, na disciplina de Geografia proponha aos alunos identificarem locais com paisagem natural e paisagem humanizada e na disciplina de Ciências pode sugerir a exploração do sol, da lua e de outros planetas.

Explore locais históricos interessantes com os alunos no HistoryPin. Peça-lhes que alimentem o mapa local com as suas próprias fotografias. Explore com os alunos o site Creative Commons (http://search.creativecommons.org) para encontrar imagens livres de direitos de autor.

Segurança & Identidade Digital

Se utilizar imagens da Internet certifique-se de que estão sob a licença apropriada da Creative Commons (http://creativecommons.pt/).

 


logo LIDIA

Projeto LIDIA – Literacia Digital de Adultos
Instituto de Educação, Universidade de Lisboa, 2016
Sítio do projeto: lidia.ie.ulisboa.pt

Atividade originalmente elaborada no âmbito do projeto TACCLE2 em 2013
Atividade adaptada por Mariana Tempera e revista por Catarina Gonçalves para a Biblioteca de Atividades Online do projeto LIDIA em março de 2016.

CC88x31

Esta atividade pode ser usada, copiada, reproduzida, modificada, publicada e transmitida em todos os tipos de media ou métodos de distribuição já disponíveis ou que venham a ser desenvolvidos, bastando para isso fazer referência aos autores e ao Projeto TACCLE2 e à Biblioteca de Atividades Online (BAO) do Projeto LIDIA.